CONTESTAÇÃO c/c RECONVENÇÃO

Discussão em 'Direito Civil, Empresarial e do Consumidor' iniciado por vagner de jesus vicente, 13 de Dezembro de 2016.

  1. vagner de jesus vicente

    vagner de jesus vicente Membro Pleno

    Mensagens:
    142
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    Brasília-DF
    Boa tarde Drs.
    Por gentileza me socorram no seguinte:
    1-ação de nulidade de escritura de compra e venda de imovel;
    2-são réus meu cliente e a CEF;
    Pergunto: posso oferecer contestação/reconvenção (art.343 CPC/2015) contra o autor e TAMBÉM contra a CEF? Não sendo a CEF um terceiro e sim RÉ na ação, é possível reconvir contra ela? É melhor fazer ação autônoma?
    Desde já agradeço o socorro!
  2. AP Advocacia

    AP Advocacia Membro Pleno

    Mensagens:
    80
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    São Paulo
    Pergunta interessante. Doutor, a meu ver sim, a reconvenção poderá ser oferecida contra o corréu, pois nos dizeres do artigo 343 você estaria deduzindo pretensão conexa com a ação principal. O objetivo da reconvenção, tanto é que agora deve ser oferecida na contestação, é dar celeridade e aproveitar o mesmo processo para resolver mais de um litígio, se o caso.

    Podem alegar que o parágrafo segundo menciona que o autor será intimado, não o corréu. Contudo, se o terceiro também pode ser o destinatário da reconvenção (parágrafo terceiro), por que não admitir o corréu, no caso a CEF?

    Pode ser que o juiz tenha um entendimento diverso, mas se você adotar o que sugeri não estará fazendo nada de teratológico. No máximo ele mandará você propor a ação autônoma. Vamos aguardar mais opiniões.
  3. faro

    faro Membro Pleno

    Mensagens:
    190
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    Rio de Janeiro
    Interessante. Nunca havia pensado nisso antes. Concordo com o colega AP, acho que o senhor poderia reconvir contra o corréu pelo simples fato da reconvenção ser uma peça autônoma. Atacaria o autor e a CEF. Vamos esperar mais opiniões de colegas.
  4. faro

    faro Membro Pleno

    Mensagens:
    190
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    Rio de Janeiro
    Doutor, dando uma pesquisada, vi que já tem jurisprudência no sentido de que não cabe reconvenção (pedido contraposto no JEC) contra corréu. Além disso, o CPC/15 desaparece a reconvenção como peça em apartado e será feita no bojo da contestação.
  5. Milton Levy de Souza

    Milton Levy de Souza Membro Pleno

    Mensagens:
    408
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    São Paulo
    Concordando, com os posicionamentos.

    E acreditando e observando que , sendo a Caixa ente federal, não esquecer que deverá ser proposta ação na JUSTIÇA FEDERAL.
    Boa Sorte (SEMPRE).
  6. vagner de jesus vicente

    vagner de jesus vicente Membro Pleno

    Mensagens:
    142
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    Brasília-DF
    Grato, Dr. Faro, mas não é caso do JEC e SIM a reconvenção será feita no bojo da contestação.
  7. vagner de jesus vicente

    vagner de jesus vicente Membro Pleno

    Mensagens:
    142
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    Brasília-DF
    Grato Dr. Milton, SIM a ação FOI proposta na Justiça Federal.
  8. vagner de jesus vicente

    vagner de jesus vicente Membro Pleno

    Mensagens:
    142
    Sexo:
    Masculino
    Estado:
    Brasília-DF
    Grato Dr., será interessante e didático! Assim que houver um despacho, informo aos colegas.
Tópicos Similares: CONTESTAÇÃO c/c
Forum Título Dia
Direito Civil, Empresarial e do Consumidor Sem contestação/prazo para impugnação 12 de Dezembro de 2016
Direito Civil, Empresarial e do Consumidor Pedido parcialmente atendido - impugnação à contestação 25 de Outubro de 2016
Direito Civil, Empresarial e do Consumidor Contestação pelo Projudi 17 de Outubro de 2016
Direito de Família PEDIDO DEPOIMENTO PESSOAL RÉU VIA CARTA PRECATÓRIA NA PRÓPRIA CONTESTAÇÃO 09 de Outubro de 2016
Direito de Família Contestação em ação de guarda com pedido contraposto 12 de Julho de 2016

Compartilhe esta Página